EM DESTAQUE

  • RUA ARAÚJO….É hora de ir a putaria. Conto de Eduardo Quive
  • FESTIVAL INTERNACIONAL SHOWESIA – levando a mensagem sobre a Paz no Mundo através da arte
  • VALE A PENA GASTAR 111 MILHÕES USD PARA ALTERAR A LÍNGUA?
  • Feira do Livro da Minerva Central na 76ª Edição em Maputo”.
  • SEGUIDORES

    LEIA AQUI A EDIÇÃO 51

    Pub

    Poesia

    Japone Arijuane – Maputo





    É um crer estar quando ausente
    É viver vidas antes nascidas
    É ter tudo num mundo vazio
    É sempre ouvir o ruído do silêncio
    É ser o que o seu ser não quis ser
    É desafiar a física estar em ambos lugares em simultâneo
    É ter uma constante metamorfose mental
    É ter o mar sem águas ou as águas sem rio
    Olhar ver o que não se vê
    Ouvir e entender o que não se disse
    É tudo ou nada, nada ou poesia
    É poesia ou Poesia.
    __________________________________________________ 
    Extraído do projecto de livro do autor “Falas Perdidas”.

    1 comentários:

    Perfeito companheiro. Dizer, Fazer e Sentir a Literatura.

    Publicar um comentário

    Pub

    AS MAIS LIDAS DA SEMANA

    Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More